quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Para o Dr. Ricardo Espírito Santo Salgado, Presidente do Grupo BES

Caro Dr. Ricardo Salgado:

Estou em crer que fomos ambos vítimas de uma infâmia.
Vejamos:
A - A junta médica da sua companhia deu-me alta com incapacidade total e permanente, como resultado dos ferimentos causados pelo desastre que o seu segurado provocou - a camioneta chocou de frente com o meu carro estando eu na minha mão.
B - A sua Companhia de Seguros, a Tranquilidade, não contestou. Presumo, portanto, que só pode ter havido um Tribunal Arbitral.
C - O meu advogado pediu-me para assinar uma procuração que, já me foi dito por quem percebe de Direito, só se passa em raríssimos casos, e nunca em acidentes de automóveis, e é preciso ter muita confiança no Advogado, como era o meu caso; não entendo como pode ele ter acordado baixar a importância do montante a pagar pela Tranquilidade.
D - O documento de quitação da Tranquilidade tem uma estranha aparência, pois até tem assinaturas rasuradas.


Notem o meu BI escrito à mão; nem sequer é a minha letra.

Notem a rasura na assinatura.

A minha pergunta é "Onde está (ou quem ficou) com o resto da minha indemnização?"

Como vê estamos ambos, o Dr. Ricardo Espírito Santo Salgado e eu, a ser vítimas de uma infâmia, pois não me passa pela cabeça que tenha sido o senhor a ordenar isto.

Espero e agradeço que tome rápidas e efectivas acções no sentido de emendar a "mão"!

To be continued

27 Comentários:

Anonymous cfd disse...

O resto da indemnização é o valor referido no recibo da tranquilidade? Foi você que assinou o recibo? Recebeu esse valor?

Alguns Pontos:

--- o recibo deve ter ido para o seu advogado e alguém assinou o recibo.

Normalmente assina-se o recibo antes de receber o valor.

--- Hoje em dia o pagamento deveria ser em cheque face ao montante envolvido. Não

sei se na altura seria assim.

--- a seguradora tem de ter documentos que justifiquem como é que foi pago o referido montante.

--- A assinatura que interessa é a primeira, a que está ao lado de Lisboa

20/12/2000, onde você diz que recebeu a indemnização e que não lhe devem mais nada por esse processo.

---O recibo de indemnização foi processado informaticamente no dia 18 de Dezembro e

você (ou alguem por si) colocou a data de 20/12/2000.

---Quem lhe forneceu a cópia do recibo?

--Lá em cima diz pagamento de 26 a 2/01/2001 mas não deve significar nada

--- As assinaturas em baixo não interessam porque o que conta é a sua assinatura.

Acho que tem o direito de saber como foi pago caso não tenha sido você a assinar e

não tenha recebido o valor.

--- Penso que a procuração do advogado é a habitual em vários processos. MAs o que conta é o recibo porque aí é que você decidiu aceitar o valor da indemnização.

17 de setembro de 2009 às 15:52  
Blogger Futebolartte disse...

Ao que parece o 1º valor acordado era bem maior e de 100 mil contos tendo sido depois acordado 16 mil mas ao que parece à revelia certo?

17 de setembro de 2009 às 15:59  
Blogger Karocha disse...

cfd

Nada é normal, nem a procuração.
Nunca falei com ninguém da Companhia Tranquilidade e, não há nenhuma companhia que não conteste e, não houve julgamento em tribunal!

17 de setembro de 2009 às 16:35  
Blogger Black disse...

Por alguma razão o administrador Alain Vales disse que este processo era uma vergonha para a Tranquilidade...
E era simples limpar a dúvida, bastava ir ver ao processo do segurado quanto é que aquela apólice pagou.
Mas nem dois conhecidos Advogados conseguem obter resposta; nem sequer a carta "chapa 4" a comunicar a recepção do pedido.

17 de setembro de 2009 às 17:17  
Blogger T.P disse...

kAROCHA

A 1ª questâo que se levanta é se a você assinou ,ou não , a procuração com aquele teor .
Quanto à menção do Bi ,isso já é irrelevante .
A questão é :É ,ou não a sua assinatura .E se´é ,será que assinou uma folha de papel am branco ?
Desculpe Karocha ....há aqui qualquer coisa que está mal contada ,mas parece-me que a explicação terá que começar por si ......o que aconteceu ao processo de Torres Vedras ?Se houve acordo ,este tem que estar aí mencionado ....
Não dá para perceber nada ,pois você deixa tudo por meias palavras...
Já consultou o processo ?Como é que este termina ...tem que haver um despacho do juiz .
E mais lhe digo ...estas procurações forenses são mais do que habituais em casos de acidentes de viação ,pois são precisamente para o advogado acordar numa indemnização ,desde que entenda ,com o acordo do cliente ,que esta satisfaz os interesses deste ....

17 de setembro de 2009 às 18:32  
Blogger Karocha disse...

T.P

Você é advogado?

17 de setembro de 2009 às 19:22  
Anonymous Anónimo disse...

T.P

"E mais lhe digo ...estas procurações forenses são mais do que habituais em casos de acidentes de viação ,pois são precisamente para o advogado acordar numa indemnização ,desde que entenda ,com o acordo do cliente ,que esta satisfaz os interesses deste ...."

disse bem, com o acordo do cliente...há acordo com o cliente?
de 16000 contos para 100 000 contos vai uma grande distância, se lhe derem (ao advogado) mais 16 000 a seguradora, ou outro qualquer, ainda mete ao saco 68000 contitos...e também é verdade seguradoras que não contestam?

mistério...

TABOPAN

17 de setembro de 2009 às 21:31  
Blogger Karocha disse...

Tabopan

Não assinei acordo nenhum.
Não houve sequer julgamento em tribunal.
O Juiz arquivou.
E sim consultei o processo, é um susto.
Quanto à procuração, só se for para fazer a brincadeira da loira estúpida com corrector, não pode estar escrito à mão o nº de BI.
E é verdade contestam, vide os 667mil € que foram para o supremo e este disse que sim.
Obrigada Tabopan

17 de setembro de 2009 às 22:10  
Anonymous Anónimo disse...

Com todo o respeito, também me parece que a história não está bem contada.
Assinou ou não o recibo da seguradora? Se assinou, em que circunstâncias o fez e porquê? Alguém lhe disse que era só uma parcela da indemnização? Recebeu, ou não, os 16.000 contos?
Quanto a não ter assinado nenhum acordo, é normal que não o tenha feito já que deu poderes aos advogados para o fazerem por si...

18 de setembro de 2009 às 10:33  
Blogger NUNO RAMOS disse...

Para quem gosta de recordar o nosso clube em imagens, recordando as nossas vitórias e glórias, visite o Armazém Leonino. Julgo que passará alguns momentos nostalgicos. Peço desculpa pela intromissão!

http://armazemleonino.blogspot.com

para apaixonados por cromos,jornais antigos, relatos de futebol, revistas antigas, etc... visite!

18 de setembro de 2009 às 10:52  
Blogger Karocha disse...

Anónimo
Tem razão a história está mal contada, mas não por mim,

18 de setembro de 2009 às 11:15  
Anonymous Anónimo disse...

É a Karocha quem está a contar a história!
Por respeito a si e a todos os que seguimos este blog, deverá contá-la bem, sem insinuações e meias palavras!

18 de setembro de 2009 às 12:17  
Blogger Karocha disse...

Ok Anónimo, eu explico melhor no próximo post.

18 de setembro de 2009 às 12:20  
Anonymous Anónimo disse...

Karocha

Peço desculpa,mas a história está muito mal contada e é por si.
Existem meios expeditos para resolver situações destas .Ora,como acredito que a Karocha é uma mulher lúcida,não percebo como é que um assunto destes ,datado de 2001 e com a alegada gravidade,ainda é objecto de meias palavras,insinuações que não fazem qualquer sentido.

18 de setembro de 2009 às 13:07  
Blogger Nuno Medon disse...

olá! Pelo que li, foi aldrabada. lamento a sua situação...mas porque não dá queixa na Polícia Judiciária??


e quem sofre é a Karocha!

beijos e um bom fim de semana!

18 de setembro de 2009 às 14:13  
Blogger Karocha disse...

Dr. Ricardo
Está preocupado?
Fomos ambos vitimas de uma infâmia.
Está preocupado que eu sei e posso provar.

18 de setembro de 2009 às 16:42  
Blogger T.P disse...

Karocha


O Dr.Ricardo deverá estar muito preocupado,imagino.....e então, vítima de uma infâmia....
Estas pessoas preocupam-se é com outros campeonatos....
De qualquer forma,se acha que tem alguma razão,força !!!!

18 de setembro de 2009 às 17:05  
Blogger ana disse...

Karocha não desanime e vá contando esses pormenores todos, a ver se chegamos a uma conclusão ;)!

18 de setembro de 2009 às 18:40  
Anonymous Anónimo disse...

Deem-lhe conversa que é isso que ela quer (LOL)

POSSIDÓNIOS!

18 de setembro de 2009 às 18:43  
Anonymous Anónimo disse...

Deve achar que é filha da Rainha (LOL)

POSSIDÓNIA!

18 de setembro de 2009 às 18:48  
Anonymous Anónimo disse...

Ó T.P

O caríssimo comentador já alguma vez foi alvo de alguma infâmia?

"De qualquer forma,se acha que tem alguma razão,força !!!!"

O que acha que ela está a tentar fazer?

18 de setembro de 2009 às 18:55  
Blogger Karocha disse...

Anónimo
Não te apago para verem o idiota que tu és.
Quanto ao ser filha da Rainha, toda a gente o sabe.

Estás nervoso?? Põe o teu nome!

Possidonio és tu oh snob de trampa. Se não sabes o é ser snob vai ao dicionário.

O teu próximo comentario é apagado

18 de setembro de 2009 às 18:55  
Anonymous Ninguém disse...

Calma

Cada um tem direito ao sonho ,fantasia ,realidade ....

A todos desejo felicidades e divirtam-se

19 de setembro de 2009 às 00:57  
Anonymous Ninguém disse...

Uns são filhos de reis e rainhas ,outros de plebeus e plebeias e outros ,apenas e tão só filhos da p...

Tudo gente boa,apenas com condições diversas ....

Convivam

19 de setembro de 2009 às 00:59  
Blogger Alentejano disse...

...até aqui tenho que levar com o Nuno Ramos? Tenham dó!!!Quanto ao caso em apreço peço-lhe que mete o SIS nisso que eles têem pouco que fazer?!!!!

19 de setembro de 2009 às 14:15  
Anonymous Queen Elizabeth II disse...

Estive a falar com o Dr. Ricardo e ele disse-me que nem dorme a pensar nesta gravíssima infâmia que lhe fizetam maila karochinha sem João Ratão.

21 de setembro de 2009 às 14:22  
Blogger Karocha disse...

Queen Elizabeth II:

Não me diga!...
Vc é importante!

21 de setembro de 2009 às 15:10  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial